Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Paulo Fatela

Blog sobre artes, ofícios, paixões e diversas questões

Paulo Fatela

Blog sobre artes, ofícios, paixões e diversas questões

Alentejo - Montemor-o-Novo aposta em plataforma on-line para divulgar património

"Alentejo - Montemor-o-Novo aposta em plataforma on-line para divulgar património

O património histórico e cultural do concelho de Montemor-o-Novo conta agora com uma ferramenta de divulgação, a plataforma digital MorBase, disponível para consulta na Internet e resultante de um projecto da câmara municipal.

Café Portugal/Lusa | sexta-feira, 16 de Maio de 2014
«A plataforma pretende dar a conhecer ao público toda a informação sobre a história, património e arqueologia» do concelho, explicou a presidente da Câmara de Montemor-o-Novo, Hortênsia Menino.
AMorBase já está disponível para consulta em www.montemorbase.com e tem como objectivo divulgar o património cultural móvel e imóvel, assim como material e imaterial, deste concelho alentejano.
A plataforma on-line incorpora, em catálogo, as colecções patrimoniais que são da responsabilidade do município, assim como de «todas as entidades que se queiram associar», realçou a autarquia.
É o caso, indicou a câmara, de museus ou outras unidades museológicas, colectividades que promovam recolhas etnográficas e investigadores, coleccionadores ou interessados detentores de património histórico e cultural no concelho.
Trata-se de «uma página na Internet onde podemos ter acesso às bases de dados do espólio arqueológico na posse do município», fruto das «diversas escavações arqueológicas feitas ao longo dos anos», referiu Hortênsia Menino.
Com o projecto, a autarquia quer «promover o conhecimento científico relacionado com o património histórico-cultural» local, apresentando dados e interpretações científicas ao público, ao mesmo tempo que fomenta a interação com a comunidade científica.
«A participação da população nestes trabalhos de divulgação do seu património é essencial, na medida em que promove a sua integração e um melhor conhecimento daquilo que é o seu património cultural», frisou o município, para incentivar o envolvimento dos habitantes nesta iniciativa.
Ao consultar a plataforma, actualmente, o utilizador pode «navegar» por quatro áreas, uma das quais é a Base de Dados de Património Móvel, que permite pesquisas simples e avançadas das colecções das Reservas Arqueológicas Municipais e do Centro Interpretativo do Castelo.
Outro dos campos é o da Promoção à Ciência, em que os investigadores envolvidos no estudo do património histórico de Montemor-o-Novo são convidados a divulgar os seus trabalhos.
As restantes áreas são a dos Documentários e a das Exposições virtuais, no âmbito das quais a MorBase dedica este mês ao tema da «Cerâmica Montemorense».
«Montemor-o-Novo tem uma riqueza patrimonial notável» e esta plataforma digital constitui «um elemento bastante enriquecedor» da história local, salientou a autarca."

 

In Café Portugal